Atualizado em 15/08/19

Praga é um lugar fascinante, cheio de segredos a serem descobertos. Com uma enorme coleção de belos prédios, parques, museus e monumentos, a capital da República Checa encanta a cada passo. Enquanto lá, não há como não se perguntar o que inspirou os tchecos a construir uma cidade tão linda! Compartilhamos aqui dicas com uma lista completa de todos os melhores passeios em Praga e seus pontos de interesse. Confira as fotos e dicas de roteiro! 

Charles Bridge (Karluv Most)

A Charles Bridge (ou Ponte Carlos) é um dos mais importantes pontos de interesse de Praga. Construída em 1350, era a única travessia sobre o rio Vlatva (rio Moldava, em português) até o século XVIII. A ponte tem várias estátuas com figuras religiosas, como Jesus Cristo e São Venceslau (o patrono da República Tcheca), e três torres majestosas, duas no lado da Malá Strana (a Cidade Pequena) e uma outra no lado da Cidade Vela. Não perca o pôr-do-sol lá, que é belo. Dica: existe um restaurante quase embaixo da ponte, chamado Klub Lavka, que tem mesas voltadas para a ponte e o rio. Os preços não são altos, e o lugar vale uma visita, nem que seja só para conferir a paisagem.

É possível visitar as torres, a maior, no lado da Cidade Velha (Staré Mesto), chamada de Powder Tower (Portão da Pólvora), e uma das outras duas no lado oposto do rio, o lado da Malá Strana. Entramos apenas na torre da Malá Strana (preço da entrada CZK 80,00 – R$ 12,00). Esta torre foi construída no século XV e inspirada na sua “irmã mais velha”, que fica na outra margem do rio Moldava. O panorama que se tem lá de cima é incomparável. Além disso, dá para ver os soldadinhos vestidos com uniformes antigos, e alguns deles até tocam o trompete! Sem dúvidas, um dos melhores passeios em Praga.

Biblioteca do Mosteiro Strahov (Strahovský kláster)

Após visitar a Ponte Charles, o caminho óbvio seria continuar o passeio subindo a colina que leva ao Castelo de Praga, mas existe um outro roteiro, que pode ser mais interessante, deixando a visita ao castelo por último, já que ele é muito grande e merece mais tempo. Seguindo direto pela rua que fica em frente aos portões do castelo, chega-se na entrada de um outro complexo, o Mosteiro Strahov, um verdadeiro tesouro arquitetônico da cidade. Lá dentro dá para admirar a beleza da famosa biblioteca clássica, que tem de uma coleção de livros teológicos e filosóficos raros, de séculos de idade, sem falar nos dois majestosos salões, com seus belos afrescos. 

Continuando o passeio por dentro do mosteiro, chega-se a um pátio que tem uma estátua imensa de um leão, e, mais à frente, uma surpresa: um mirante com uma vista estupenda da cidade e do Petrin Hill, o maior parque da cidade. Neste lugar fica um bar/restaurante muito legal chamado, apropriadamente, de Bellavista, onde dá para sentar e tomar um drink e comer algo, enquanto se curte a bela vista! 😉 Partindo deste mirante, existe uma espécie de trilha que leva até o Petrin Hill, o principal parque da cidade. 

Petrin Hill

Petrin Hill é uma área verde que tem uma torre, inspirada na Torre Eiffel, e vista de praticamente toda a cidade. É possível subir a torre, e a entrada custa CZK 80,00 – R$ 7,50, e a subida e subida pode ser feita de elevador, pagando um pouco mais. 

Leia também:  Pontos Turísticos de Toledo - Como visitar a bela cidade medieval

Ainda em Petrin Hill fica a Mirror Maze (Bludiste), uma casa de espelhos que proporciona um passeio bem divertido. Lá dentro, há espelhos que de efeitos que distorcem sua imagem, um labirinto e um lindo afresco de 80 metros quadrados, que retrata a batalha dos tchecos contra a invasão sueca na Ponte Carlos (Charles Bridge).

Não deixe de explorar as áreas verdes de Petrin Hill. Há também alguns bares e restaurantes lá, um deles com mesas bem posicionadas para que aproveita linda vista da cidade.

Castelo de Praga

Com vários palácios, igrejas e museus, o Castelo de Praga não é apenas um castelo, mas um complexo histórico de extrema beleza arquitetônica e importância cultural.

Ao pensar no Castelo de Praga, você provavelmente imagina um belo castelo medieval, mas o lugar é bem mais que isso. Dentro deste enorme complexo existem várias igrejas, como a Catedral de São Vitus, que domina a paisagem da cidade, e o Monastério de São Jorge, além de vários palácios (os principais são o Antigo Palácio Real e o Rosenberg Palace). O Antigo Palácio Real não é muito grande, mas é de uma beleza imensa, e muito importante para os tchecos, pois São Venceslau, o padroeiro do país, é neto do rei e da rainha que o construíram. 

Existem dois tipos de ingressos, um para a visita mais longa, que dá acesso a nove atrações, e um para a visita curta, ou Short Visit, que dá acesso às principais atrações do complexo: Catedral de São Vitus, Antigo Palácio Real, a exibição permanente “A História do Castelo de Praga”, a Basílica de São Jorge e o Palácio Rosenberg. As filas são sempre enormes, então vale a pena comprar seu ingresso com antecedência. Clique aqui para obter mais informações.

Em seguida, visitamos a Basílica de São Jorge (St. George’s Basilica), que foi fundada no início do século X, e fica bem próxima da entrada do Antigo Palácio Real. O prédio tem uma beleza barroca esplendorosa e os afrescos no teto, que, infelizmente não são tão bem preservados quanto outros vistos em Praga.

Após visitar a Basílica, seguimos para o Palácio Rosenberg (que já foi o Instituto das Mulheres Nobres), onde infelizmente não é possível bater fotos (pelo menos não durante a primeira parte do passeio). O percurso dentro do prédio é bastante rápido e não há muito o que se ver, a não ser pelo primeiro salão, que tem belas varandas e um belo teto, além de pinturas que reproduzem a parede da frente com suas janelas e varandas, como um espelho, com detalhes realmente incríveis.

A grandiosa Catedral de Saint Vitus (São Vito) é um espetáculo em todos os sentidos, a começar pelo seu exterior gótico, que tem gárgulas que parecem saltar do prédio, além de lindos detalhes em dourado que contrastam com a cor escura da estrutura. Para realmente apreciar todo seu esplendor, é necessário dar uma volta em torno da catedral, e reparar em cada detalhe minucioso do precioso trabalho artístico feito na fachada.

Leia também:  Amsterdam Dance Event, o maior festival de musica eletrônica da Holanda

Há um passeio que inclui uma excursão noturna de ônibus, com um cruzeiro-jantar no Rio Moldava, um dos preferidos entre turistas que visitam Praga. Este passeio proporciona uma maneira diferente de ver a cidade, a partir do rio, enquanto aproveita um delicioso jantar com música, perfeito para terminar um dia de muito turismo! Clique aqui para obter mais informações.

O ponto alto da visita à catedral é a passagem pelo túmulo de São João Nepomuceno, um santo nacional, que foi morto por proteger os segredos da rainha, e se tornou o santo protetor contra as calúnias, após ter sido afogado no rio Vltava.

Vale lembrar que, em alguns dias, a catedral só abre após o meio-dia. Por isso, se chegar ao complexo do castelo cedo, terá que esperar na fila para entrar lá. Após a visita a catedral e com o espirito renovado, seguimos para a saída de trás do complexo, onde fica o Museu dos Brinquedos, e uma curiosa estátua de um garoto que tem um “membro” que reluz! 

Através desta saída dos fundos dá para descer as escadarias do complexo e visitar um verdadeiro oásis de paz e tranquilidade no meio de Praga, os Jardins Wallenstein e o Senado Tcheco, as próximas atrações na nossa lista de pontos turísticos de Praga.

Wallenstein Gardens (Valdštejnský palác & zahrada)

Este belo palácio e seus jardins foram construídos no estilo barroco italiano, por volta de 1620, e são tão escondidos e secretos que, se você não prestar atenção à pequena porta que fica na muralha da Letenská, muito provavelmente não o encontrará. Lá dentro, fica nada menos que o Senado tcheco, um prédio que tem uma “loggia” na entrada, uma espécie de espaço aberto típico de prédios clássicos italianos. Os pontos principais dos jardins são o lago e a “Parede de Terra Molhada (The Dripstone Wall, em inglês), uma escultura escura que parece ter sido feita com areia molhada. A parede esconde figuras como serpentes, rostos deformados, plantas, e outros. Ainda nos jardins, com sorte, você verá os pavões, dando um show à parte, exibindo suas penas para quem quiser ver (como o pavão albino que encontramos!). A entrada é grátis.

Onde ficar em Praga

Caso ainda não tenha reservado a sua hospedagem em Praga, confira algumas dicas dos melhores lugares onde se hospedar na cidade:

– A Stare Mesto (Cidade Velha ou Old Town, em inglês) é a área onde quase todas as atrações turísticas de Praga estão localizadas. Os hotéis de lá costumam ser um pouco mais caros que os hotéis situados na Cidade Nova, por causa da concentração de pontos turísticos. Apesar de ser mais caro, se você decidir se hospedar na Cidade Velha, quase não terá que usar transporte público, e acabará economizando em transporte. Os Apartamentos Konvikt (clique aqui para visitar a página do hotel), são uma opção com ótimo custo-benefício onde ficar em Praga, naquela área.

Para gastar o mínimo possível, se hospede um pouco mais distante do centro antigo, pois os preços caem bastante. Uma opção barata onde ficar em Praga é o Hotel One, próximo da estação central de trem. O One oferece ótimos preços, e quartos modernos e confortáveis. Clique aqui para conferir a página do hotel.

Leia também:  Casamento Real – confira a programação do evento do ano

Old Town Square (Praça da Cidade Velha)

No coração da Praga antiga, entre a Ponte Charles e a Praça Venceslau (Wenceslas Square), fica a Praça da Cidade Velha, um lugar especial, e o centro dos acontecimentos públicos. Os prédios da praça são de vários estilos arquitetônicos, que vão do gótico ao barroco italiano. Durante o verão, a praça fica lotada de turistas e tchecos, que aproveitam os dias quentes de sol para tomar a deliciosa cerveja tcheca nos cafés da região.

Os principais prédios da Praça da Cidade Velha são: a torre do Relógio Astronômico, a igreja de São Nicolau e a catedral Týn. Aproveite para sentar em um dos cafés e assistir o show dado pelo Relógio Astronômico a cada hora (das 8 da manhã às 8 da noite). Geralmente uma multidão se reúne em frente ao relógio, para ver os movimentos das figuras que saem da torres (todos os doze apóstolos a até uma caveira animada representando a morte).

Dica: é possível subir a torre que do relógio (que faz parte da antiga prefeitura da cidade). E o melhor: dá para subir de elevador! Visite esta página para descobrir como, e não perca este passeio em Praga!

Wenceslas Square (Praça Venceslau)

Apesar de ser chamada de praça, a Wenceslas Square não é bem uma praça, mas uma espécie de bulevar. A longa avenida é cheia de lojas, hotéis e prédios, e tem o famoso Museu Nacional (Narodni Muzeum) que domina a paisagem, e é um dos pontos de interesse de Praga mais famosos. Na nossa opinião, depois de admirar a grandeza da parte antiga da cidade e chegar à Wenceslas Square, você até tem a impressão de que o lugar não é tudo aquilo tudo que imaginava, já que parece ser uma área bastante comercial.

Karlova

A Karlova é a rua que liga a Ponte Charles à Praça da Cidade Velha, e é linda. Cheia de galerias de arte, teatros e lojas de todos os tipos, os detalhes de cada uma das fachadas dos prédios da rua faz com ela pareça ser de faz de conta, cheia de casas de boneca! Aproveite para caminhar pela Karlova, ou sentar num de seus cafés, e aprecie a beleza do lugar ou apenas assista o movimento de pessoas. Não deixe de entrar numa das inúmeras galerias de arte da área, que têm peças que vão do clássico ao curioso.

Passeio de barco em Praga

Uma experiência que não se pode deixar de ter é o passeio de barco em Praga. O custo é baixo, e as vistas são fenomenais. Se conseguir, programe-se para pegar o pôr-do-sol, que é estupendo! Há dois tipos de passeio, o mais curto, que serve também petiscos e bebidas (cobrados à parte) e o passeio completo com jantar.  O mais barato custa só 11 euros! Os bilhetes para estes passeios em Praga podem ser comprados antecipadamente online, economizando tempo e dinheiro. Clique aqui para conferir a disponibilidade e ler mais informarções!

Não deixe de conferir os nossos artigos sobre como viajar de trem de outras capitais da Europa para Praga.
Clique aqui para conferir a nossa seleção de hotéis em Praga. 

 

LEIA MAIS:

5 COMENTÁRIOS

  1. Eu estive buscando mais informações sobre Praga e vim parar nesse site.

    Realmente os lugares onde são indicados aqui são imperdíveis!
    Estive duas vezes na cidade onde permaneci por cerca de duas semanas e acho que posso dizer que a conheço bem!

    Gostaria de acrecentar:
    – Svatý Mikuláš? (Igreja de São Nicolas) – ficar perto de Ponte de Carlos;
    – Pražské Jezulátko (Igreja do Menino Jesus de Praga) – também próxima a Ponte de Carlos;
    – Museum Kampa (Museu de Kampa) – muito bacana o museu, várias peças lindissimas de arte moderna;
    – Národní Divadlo (Teatro Nacional) – Lindíssimo especialmente a noite! Indescritivel;
    – Tan?ící d?m? – Esse edifício é a semente da discórdia em Praga por sua tematica futuristica! Arquitetos e engenheiros irão ficar loucos com a construção;
    – Národní muzeum (Museu Nacional de Praga) – A quantidade de peças é sacanagem … é ficar um dia inteiro pelo museu!
    – Starý židovský h?bitov (Cemitério Judeu) – Não é um passeio regular, mas ver as lápides de 500 anos é algo com que faz pensar na vida;
    – Alza.cz – Praha 7 – ótimo lugar para fazer compras de eletrônicos!!! Além de ser bem barato lá tem a política de TAX FREE!!!
    – Restaurant & Club SaSaZu – Além de ter uma comida deliciosa em seu restaurante super sofisticado e exclusivo é um dos melhores clubs da europa central! É realmente fantástico!!!

    Eu poderia citar mais uns 15 lugares fantasticos aqui facilmente.. sem pensar muito! Mas aí quem ler ia ter que ficar 10 dias em Praga!!!

    😀 aproveitem gente! Praga é linda demais!

  2. que maravilha !!! vocês facilitaram por demais minha viagem!!! agradeço !!!!

  3. Nossa amei os posts ! As dicas de Praga e Berlim estao incriveis! Voces colocaram informacoes importantes, um pouco da historia e fotos ! Muito obrigada ! Praga e Berlim ai vou eu 😀

Comments are closed.