Veneza é diferente de qualquer outra cidade que você já visitou na vida, em todos os sentidos. Não há taxis ou transporte terrestre lá – o que só adiciona ao seu charme –  e torna muito importante saber onde ficar, evitando perder tempo andando e procurando os pontos turísticos. Confira as melhores regiões onde ficar em Veneza e dicas de hotéis a seguir:

Mapa de Veneza
Mapa de Veneza – as regiões mais procuradas são San Polo (laranja) e San Marco (roxo)

Cannaregio (seção azul do mapa)

Cannaregio – vista da saída da estação St Lucia

Nesta região, você estará perto da estação de trem Santa Lúcia, a única de Veneza. É o lugar perfeito para quem chega à cidade de trem, e não quer ter que se preocupar com o traslado até o hotel. Essa é uma área que não é considerada uma das partes mais turísticas de Veneza, pois é mais residencial, e, por isso, oferece preços mais em conta que partes mais centrais. É possível caminhar de lá para todos os principais pontos turísticos em cerca de 15 a 20 minutos.

Duas opções de hotéis muito procuradas em Cannaregio são o Hotel Amadeus e o hotel Locanda del Ghetto (mais barato, e muito bem cotado). Clique nos links em azul para visitar a página de cada acomodação. 

Leia também:  Passeios e Pontos Turísticos de Pisa - Visitando a bela cidade toscana

San Marco

Piazza San Marco, considerada o coração de Veneza

Ao redor de San Marco fica a maioria dos pontos turísticos mais visitados de Veneza, assim como alguns dos melhores hotéis, e por isto, esta é uma das áreas mais disputadas. É lá que se encontram as grandes joalherias, lojas, e também os melhores restaurantes. Para quem está visitando pela primeira vez e procura muito conforto e excelente localização, é a melhor opção. 

Duas opções de hospedagem com ótimo custo-benefício em San Marco são Hotel Noemi (três estrelas) e o Palazzo del Giglio (quatro estrelas). Clique nos links em azul para visitar a página de cada hotel. 

San Polo

Ponte Rialto, ligando San Marco a San Polo

Este é o menor bairro de Veneza, e é também onde fica localizado o principal mercado da cidade, ao norte da Ponte Rialto. Por ser uma parte mais antiga e cercada de pontos históricos, e pela proximidade de San Marco, há um grande fluxo de turistas. Lá existem ótimos bares e restaurantes, e também diversas opções de hotéis onde se hospedar em Veneza com valores mais acessíveis que San Marco. É uma boa alternativa para quem quer ficar perto das maravilhas históricas da cidade pagando menos!

Leia também:  Como ir de Milão à Veneza - Confira fotos, dicas e programe sua viagem

Duas opções de acomodação bem cotadas em San Polo são o Grifoni Boutique Hotel e o Apartamento Rialto. Clique nos links em azul para obter mais informações. 

Santa Croce (seção amarela do mapa)

Santa Croce – um dos lugares mais baratos onde ficar em Veneza

Em Santa Croce está a Piazzale Roma, a rodoviária de Veneza, logo na entrada da ilha (a partir daquele ponto, carros não circulam). É neste local que chegam todos os ônibus que vêm de diversas partes da Itália e Europa, e de lá que saem as vans com destino ao aeroporto. Trata-se de uma parte da cidade considerada com menor apelo turístico, e isso é refletido nos preços dos hotéis, que costumam ser bem mais baratos. Santa Croce tem uma atmosfera muito mais autêntica, sem muitos turistas, e com vários restaurantes e bares de ótimos preços.

Duas opções de acomodação muito procuradas em Santa Croce são o Hotel Arlequino (na beira do canal) e o Hotel Dolfin. Clique nos links em azul para obter mais informações.

Esperamos que tenha gostado das dicas sobre onde ficar em VenezaAproveite para considerar todas essas sugestões antes de criar seu roteiro de viagem para essa cidade cheia de belezas e atmosfera única! Reserve o seu hotel com o máximo de antecedência possível!

Leia também:  Como chegar em Pompeia saindo de Nápoles - passo a passo para o bate-volta

Explore todo o conteúdo do nosso site sobre Veneza:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui