A Europa está de volta. Com o pior da pandemia no passado, os países que mais atraem turistas no continente reabriram suas portas ao turismo internacional. No entanto, alguns deles ainda tem restrições a viajantes brasileiros e portugueses. 

Confira a lista atualizada no dia 17 de julho de 2020:

ITÁLIA

Todos os passageiros devem preencher um formulário de autodeclaração e apresentá-lo antes do embarque, independentemente do destino.
Para a Sardenha, os passageiros devem registar-se online neste link: https://sus.regione.sardegna.it/sus/covid19/regimbarco/ini ou através da Sardinia Safe App.
Para a Calábria, os passageiros são obrigados a completar um formulário online neste link: https://www.rcovid19.it/prenotazione-rientri/ ou através da App RCovid19.

CHIPRE

É obrigatório que todos os passageiros se inscrevam no Cyprus Flight Pass 24 horas antes da partida. Não será permitido o embarque aos passageiros que não tenham o Passe de Voo.
Para os passageiros de países em CAT A, serão efectuados controlos aleatórios. Para os passageiros em CAT B solicita-se um teste PCR 72 horas antes da chegada.
O formato de papel só é aceite em determinadas ocasiões.

GRÉCIA

Todos os passageiros devem preencher um Formulário de Localizador de Passageiros em linha pelo menos 24 horas antes de entrarem no país. O formulário pode ser encontrado neste link https://travel.gov.gr/#/. Em resposta, os passageiros receberão um e-mail com um código QR, que será o seu “identificador de selecção” para teste (ou não) à chegada. Os passageiros que não cumpram estão sujeitos a uma multa de 500 euros.
Até 31 de julho: proibição prorrogada de entrada de nacionais de países não pertencentes à UE. Apenas os cidadãos da Argélia, Austrália, Canadá, Geórgia, Japão, Marrocos, Nova Zelândia, Ruanda, Coreia do Sul, Tailândia, Tunísia, Uruguai, estão autorizados a entrar na Grécia.

ESPANHA

Aplicam-se restrições de viagem. – O Cartão de Localizador de Passageiros deve ser preenchido por todos os passageiros que chegam do estrangeiro através deste link www.spth.gob.es ou do SPAIN TRAVEL TRAVEL HEALTH-SpTH App disponível na Apple Store e Play Store. Em alternativa, os passageiros podem descarregar e preencher o formulário de localização e entregá-lo às autoridades no momento da chegada.
Nacionais da UE/ Residentes na UE/ Residentes na Austrália, Canadá, Geórgia, Japão, Montenegro, Nova Zelândia, Ruanda, Sérvia, Coreia do Sul, Tailândia, Tunísia, Uruguai – Sem restrições de entrada.
A todos os outros nacionais de países terceiros será recusada a entrada (aplicam-se excepções).

Leia também:  Trem de Praga a Berlim – dicas completas para fazer a viagem perfeita

REINO UNIDO

Aplicam-se restrições de viagem.
Alguns países estão isentos do isolamento de 14 dias; para informações completas e uma lista de países, visite https://www.gov.uk/foreign-travel-advice.
Os formulários devem ser preenchidos antes da viagem utilizando este link: https://www.gov.uk/provide-journey-contact-details-before-travel-uk.

IRLANDA

Aplicam-se restrições de viagem.
Todos os passageiros devem imprimir e preencher um formulário de localização, que deve ser entregue aos funcionários do governo à chegada ao seu destino.

MALTA

Aplicam-se restrições de viagem
Os formulários devem ser preenchidos antes da viagem: Formulário de Localização de Passageiros e Declaração de Viagem de Saúde.

POLÔNIA&

Aos passageiros provenientes da Suécia e de Portugal aplicam-se restrições de viagem.
O Formulário de Localização de Passageiros deve ser preenchido antes da viagem.

BÉLGICA

Aplicam-se restrições de viagem.
Para alguns países, os formulários devem ser preenchidos antes da chegada.
Mais informações podem ser encontradas aqui.

PORTUGAL

Os formulários devem ser preenchidos antes da chegada: Cartão de Localizador de Passageiros, Folheto Informativo e Formulário para viajar para os Açores
Os passageiros que desembarcam nas ilhas dos Açores são também obrigados a fazer um teste PCR no país de origem, 72 horas antes da sua chegada, ou a realizar um teste à chegada fornecido pelas Autoridades de Saúde.
Os passageiros são sujeitos a controlos de temperatura à chegada. As autoridades de saúde poderão solicitar teste aos passageiros com temperaturas elevadas, custos do teste serão da responsabilidade dos passageiros.

ALEMANHA

Aberto para UE, Schengen e Reino Unido (sem quarentena geral) (sujeito a alterações e a decisões dos Estados Federados).

FRANÇA

Aplicam-se restrições de viagem.
Todos os passageiros devem preencher uma declaração que certifique que não têm quaisquer sintomas de infecção COVID-19.