Última atualização: 24/08/19

A distância de Roma e Florença é de apenas 270 quilômetros, facilitando a visita para os viajantes que estão em na capital italiana e buscam conhecer da região da Toscana. Graças ao trem expresso, a duração da viagem foi reduzida a apenas 1 hora e 40 minutos, o que possibilita um bate-volta, caso seu tempo seja curto. Confira as dicas e descubra como fazer a viagem de trem entre Roma e Florença. 

Resumo do artigo

  • A distância entre Roma e Florença é de 270km.
  • A duração da viagem de trem é de em média 1h30min (trem expresso).
  • O primeiro trem parte de Roma às 05:35 da manhã, com uma frequência de três trens por hora.
  • O último trem sai de Florença às 20:43.
  • As passagens custam a partir de EUR 35,00, dependendo da época do ano – e é possível encontrar preços promocionais (clique aqui para pesquisar preços). 
  • O trem representa uma economia de tempo e dinheiro em relação ao avião, já que se leva muito tempo para chegar e sair dos aeroportos, há custos extras com transporte e bagagens.
  • O limite de bagagem no trem de Roma à Florença é de duas malas de 23kg, mais uma mala de mão por passageiro. 

A malha ferroviária italiana é operada pela estatal Ferrovie dello Stato, e é composta de diversas linhas que têm velocidades (e preços) diferentes.

A forma mais rápida de ir de Roma a Florença é no trem de alta velocidade que parte da estação Termini, a principal de Roma, e chega na estação Santa Maria Novella, a principal estação de trem de Florença. A frota expressa é nova, eficiente e rápida, e diminui o tempo de viagem entre as cidades para menos de duas horas. Os trens são confortáveis, e proporcionam uma viagem repleta de belas paisagens.

Leia também:  Viajando de trem entre Barcelona e Paris - Conheça o trem hotel Elipsos
Trens italianos

Os viajantes com orçamentos mais modestos podem fazer a viagem de trem entre Roma e Florença nos trens intermunicipais, que são mais baratos, no entanto, mais lentos e lotados. A frequência destes trens é a mesma que a do trem expresso, e há um trem por  hora. O primeiro partindo por volta das 6.30 da manhã, e o último por volta das 22.00). No entanto, nos trens intermunicipais, o tempo de viagem dobra para 3 horas, podendo chegar a quase 4 horas. Testamos ambos os serviços, pegando o trem intermunicipal na volta, o que acabou sendo bem cansativo, pois o trem pára em várias cidades no caminho, e vem bem mais cheio do que o trem rápido.

Passagens do trem Roma Florença

O preço das passagens de trem de Roma à Florença varia muito de acordo com a época do ano e com o serviço que você escolher (expresso ou Intermunicipal). O valor das passagens reservadas com antecedência fica em torno de EUR 35,00 no trem expresso. Já na primeira classe, os preços são de em média EUR 60,00 no trem expresso. Estes valores podem mudar até mesmo dependendo do dia da semana em que viajar.

Deixamos para comprar as passagens de última hora na estação de Termini em Roma, e acabamos pagando bem mais do que se tivessemos comprado-as antecipadamente! Felizmente, é possível comprar as passagens online. Clique aqui para pesquisar preços e horários no site da Rail Europe.

Caso ainda não tenha reservado seu hotel em Roma, é bom lembrar que a maioria dos hotéis da cidade está localizada nos arredores do Vaticano e da Roma Antiga (região do Coliseu e Fórum Romano). Apesar de haver alguns hotéis na região da estação Termini, ela não é considerada muito atraente à noite. Se você está procurando um lugar bem localizado e em conta onde ficar em Roma, o hotel Chambre d’Or pode ser uma boa opção, pois fica a apenas 5 minutos caminhando do Vaticano e todas as suas atrações (clique aqui para conferir a página do hotel). Já em Florença, um lugar confortável onde ficar, próximo da estação (que é muito bem localizada), é o HHB Hotel  (clique aqui para conferir a página do hotel).

Leia também:  Bate-volta de trem entre Amsterdam e a Antuérpia – Dicas e passagens

A chegada à Florença

A principal estação de trem da cidade, Santa Maria Novello, fica próxima de todas as maiores atrações turísticas de Florença, o que possibilita ir ao centro histórico andando mesmo. Se o seu trem chegar em uma das estações mais distantes, como Campo di Marte, provavelmente terá que pegar um ônibus até o centro, por isso, tente reservar trens indo para Santa Maria Novello.

Conforto no trem de Roma à Florença

A maioria dos trens que cobrem longas distâncias na Itália tem um bar, e, no caso dos trens expressos italianos, um vagão-restaurante. A comida não é cara, e fazer uma refeição em um desses vagões pode ser uma ótima experiência. Um outro detalhe é que não há restrições contra o consumo de comida ou bebidas adquiridas fora do trem, portanto, sinta-se livre para trazer seu próprio lanche.

Não existem limites no peso da bagagem e você não terá que fazer o check-in das malas, simplesmente carregue-as para dentro do trem e use os racks na entrada do vagão, ou em cima dos assentos, se as malas não forem muito grandes.

Há também a possibilidade de fazer a viagem de carro, que é bastante famosa. O melhor de viajar de carro é que dá para parar em outras cidades no meio do caminho, e até arriscar uma visita à Pisa, que fica pertinho de Florença. Utilize o buscador abaixo para pesquisar os preços de carros de aluguel na Itália, através da nossa parceria com a RentalCars.