A moda das bicicletas está cada vez mais presente nas grandes cidades do mundo. Seja por sua capacidade de vencer os engarrafamentos ou por seus benefícios ao meio ambiente e à saúde (física e financeira ?), as bikes estão invadindo a avenida, e com Londres não poderia ser diferente. Exploramos o mundo do aluguel de bicicletas em Londres e damos todas as dicas aqui. 

O mercado de aluguel instantâneo de bicicletas da capital inglesa é disputado por duas empresas americanas: Uber, com sua bike Jump, e a Lime, com suas famosas bicicletas verde-limão.

Diferentemente das bicicletas da prefeitura (Londres tem um esquema patrocinado pelo banco Santander), estes dois serviços não dependem de docking stations (os estacionamentos fixos), e as bikes podem ser retiradas e devolvidas em qualquer lugar dentro da área de cobertura, que compreende praticamente todas as zonas 1 e 2 de Londres. 

Bicicleta elétrica da Lime

Como funciona?

Ambas as redes funcionam através de aplicativos de celular, que mostram as bicicletas disponíveis no mapa da cidade, além de permitirem que você faça com que elas toquem um som (caso não esteja conseguindo encontrá-la), e te informam quanta bateria cada bicicleta ainda tem. Basta tocar em uma bicicleta no mapa e o app vai te informar também a distância que ela está de você. 

App da Uber
App da Uber
App da Lime
App da Lime

 Ao chegar na sua bike, você escaneia com um app o código QR afixado à bicicleta para desbloqueá-la (os dois modelos tocam uma melodia bem legal quando o processo é feito com sucesso). 

O cadastro é fácil, e o aplicativo da Lime funciona com o Apple Pay, o que permite desbloquear a bicicleta e sair pedalando rapidinho.

Para usar a Jump, é necessário inserir os detalhes do cartão manualmente, mesmo que já seja um usuário Uber, o que pode deixar o processo mais lento. Pode ser melhor usar o próprio aplicativo da Uber, que agora mostra uma pequena bicicleta no mapa. Ao tocar nela, o sistema carrega as bikes disponíveis ao invés dos taxis.

Leia também:  Segredos do rio Tâmisa, o coração de Londres

O aplicativo da Lime oferece uma análise detalhada após a sua viagem, como o número de calorias que você queimou, e quanto dióxido de carbono você economizou comparado à uma viagem de carro. 

Preços do aluguel de bicicletas em Londres

As bikes da Uber são mais avançadas, pois vêm com três marchas (coisa que a Lime não possui), inclui uma corrente integrada (a Lime não) e possui um painel embaixo do guidão para que você possa colocar sua bicicleta em modo de espera ou em reparo, sem precisar pegar no telefone.

Bicicleta Jump da Uber

Ambas as bicicletas tem um suporte para celular, para que você possa usar o seu dispositivo como GPS durante a viagem.

A cobrança é feita por minuto, e você não precisa pagar por uma hora adiantado! Ambas as bicicletas custam 1,00 libra para para desbloquear, e a Jump custa 7,20 libras por uma hora, quase 2,00 libras a menos que as bicicletas da Lime, que saem por 9,00 a hora (em torno de 0.15 libras por minuto). 

O veredito

A Jump da Uber com certeza ganha a competição, não apenas na velocidade, mas também na qualidade das bicicletas e no preço. No entanto, não há tantas bicicletas Jump espalhadas pela cidade quanto há da Lime. 

Nenhuma das duas são baratas, no entanto, elas são muito melhores para o bolso (sem falar para o meio ambiente) do que um carro Uber. Na hora do rush de Londres, pode ter certeza que as bikes são mais rápidas também! Se você quer economizar no metrô, tempo e ver mais da cidade, não deixe de alugar uma bicicleta durante a sua viagem a Londres!