O guia da Europa em português

Descubra Hvar – a pérola do Adriático

Descubra Hvar – a pérola do Adriático

A uma hora de catamarã da cidade de Split, na Croácia, a ilha de Hvar (pronuncia-se Ravár) costumava ser um segredo bem guardado dos europeus, principalmente dos italianos. Com a abertura do país para o resto do mundo, esta jóia do Adriático ficou muito mais fácil de ser visitada e agora está ao alcance de todos que desejem conhecê-la. E não são somente praias que Hvar tem para oferecer: as festas da ilha são legendárias! Leia as nossas dicas, descubra como chegar lá e programe sua viagem para este paraíso croata.

 

 

 

Vamos “começar do começo”: Como ir de Split a Hvar

 

Há um máximo de 10 saídas de Split para Hvar por dia e as viagens são feitas em barcos de capacidades diferentes (alguns são somente para passageiros e outros para carros e passageiros).

As balsas que comportam carros costumam chegar em Stari Grad, uma pequena vila do outro lado da ilha (a uns 10 minutos de carro ou 15 minutos de ônibus) do centro de Hvar. Já os barcos para passageiros costumam atracar no centro da ilha, mais exatamente na frente do delicioso Carpe Diem Bar, sobre o qual iremos falar mais à frente.

Com relação à frequência do serviço, há uma disponibilidade maior das balsas para carros – que são bem mais modernas e maiores que os barcos para passageiros – mas um tanto mais lentas. A viagem nestas balsas leva quase o dobro de tempo (em torno de 1h45m) – ao contrário de somente uma hora nos barcos mais rápidos.

Os horários de saída das balsas de Split para Hvar (chegando em Stari Grad) costumam ser os seguintes:

01.30 – 05.00 – 08.30 – 11.00 – 14.30 – 17.00 – 20.30

Voltando de Stari Grad nos seguintes horários:

05.30 – 07.45 – 11.30 – 14.00 – 17.30 – 20.00 – 23.00

Já os barcos só para passageiros têm saída apenas nos seguintes horários (Split – Hvar):

11.30 – 12.00 – 12.45

Voltando de Hvar para Split nos seguintes horários:

13.45 – 14.30 – 15.00

Estes horários variam um pouco de acordo com a época do ano, portanto, não deixe de checar com o atendente na hora de comprar suas passagens. Clique aqui para pesquisar passagens aéreas entre todas as maiores capitais da Europa e Split utilizando nosso buscador de vôos baratos.

 

Onde comprar as passagens entre Split e Hvar e quanto custa:

 

O preço dos tickets varia. Pagamos 70 kuna por pessoa no barco mais rápido na ida (R$20,00) e 47 kuna na volta (R$14,00).

As passagens são compradas no porto de Split – de onde partem os barcos – através da companhia Jadrolinija, que parece ser a única empresa fazendo a travessia. O ponto de venda das passagens é bastante fácil de encontrar (ver as fotos) e bem sinalizado. Se só estiver de passagem por Split para chegar até Hvar, lembre-se de chegar cedo, com pelo menos duas horas de antecedência, já que a fila para comprar passagens às vezes é grande e os lugares limitados, principalmente para o barco mais rápido. Já na volta, é possível comprar as passagens ao chegar à balsa, na hora da partida. Para os mais prevenidos, dá para comprar as passagens na agência da empresa em Hvar, no centro da vila.

 

 

Agora vamos ao que interessa: A ilha de Hvar

 

Ao descer no centro de Hvar, não há como não ficar de boca aberta com a beleza do lugar. A arquitetura é uma mistura de Veneza com Havana, e, com tantas palmeiras, céu azul e calor, não há como não achar que você está descendo na capital cubana e não em uma ilha de um país europeu.

A marina é repleta de barcos e iates – alguns de tamanhos até respeitáveis para os padrões europeus – e os turistas e locais lotam os bares e restaurantes da costa. Entre eles está o Carpe Diem, um bar super moderno e relaxado, com sofás confortáveis perfeitamente posicionados de frente para o mar e para a calçada por onde transitam as mais diversas beldades.

No Carpe Diem são servidos coquetéis deliciosos (incluindo caipirinhas e caipiroskas), e eles não economizam no álcool. Sentar em um dos sofás do bar para apreciar a beleza de Hvar e o calor do sol croata, enquanto se degustam os coquetéis perfeitos do lugar, é uma experiência sem preço. O staff é super atencioso e os garçons são um show à parte.

O Carpe Diem e suas festas se tornaram tão populares que os donos resolveram expandir o negócio e abriram o Carpe Diem Beach Club, um bar de praia super estiloso que fica na ilha de Stipanska (a apenas 10 minutos de barco de Hvar). O Carpe Diem Beach costuma ter algumas das melhores festas de toda a Croácia, e seus sofás e camas espalhados pela areia – tudo isso de frente para o mar – atraem multidões cada vez maiores para Hvar. Dependendo da festa que estiver acontecendo, a organização oferece barcos para levar o pessoal de graça até Stipanska, saindo do próprio Carpe Diem em Hvar. Quando a travessia grátis não é oferecida, dá para pegar um barco-taxi pagando em torno de 25 kuna (cerca de R$7,00).

Um outro bar que vale a pena conhecer em Hvar é o Riva, que faz parte do Riva Hvar Yatch Harbour Hotel, de posição privilegiada na beira-mar. A decoração é tão estilosa quanto (ou até mais) que a do próprio Carpe Diem, mas o público é um tanto diferente, composto de casais mais tradicionais e de um pessoal um tanto mais, digamos assim, cheio da grana, já que o hotel é um dos mais caros da ilha.

Se decidir explorar a vila, não deixe de provar os deliciosos sorvetes que são vendidos na praça principal de Hvar, quase de frente para a igreja. Num dia de muito calor e ressaca, não há coisa melhor! À noite, a pedida é ir para a praça central e conhecer outros viajantes que costumam passar a noite bebendo na rua ou nos bares da ilha.

 

 

Praias

 

No quesito praias, a ilha de Hvar deixa um pouco a desejar, já que praticamente não existem praias de areia dourada por lá. Se está à procura de uma experiência de praia mais parecida com o Brasil, a pedida é visitar Palmizana, outra ilha vizinha a Hvar, que tem algumas praias de areia cercadas por pequenos restaurantes e uma baía repleta de iates visitantes, que transportam os donos ao lugar para que aproveitem as praias e as delícias dos restaurantes do lugar.

 

O veredito

 

Hvar é uma ilha mágica, que não pode deixar de ser conhecida. Por ser tão menos famosa que lugares como Ibiza ou St Tropez, a ilha retém um charme único, sem falar nos preços super baixos, algo raro entre outros resorts de luxo da Europa. Os residentes da ilha não parecem ter sido afetados por essa verdadeira invasão de turistas, pois ainda mantém graça e simpatia, algo que outras nacionalidades europeias parecem ter perdido na sua busca pelo Euro do turismo internacional.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

9 comentários

  1. ana cecilia /

    no meu roteiro da croacia ( vou em junho) esta ja decidido Hvar e Dubrovik.
    vc saberiam podwriam mei dica outra ilha charmosae animada e se vale a pena ficar dois dias em Split?
    abs Ana Cecilia

  2. Muito bom o post sobre Hvar. Estou indo no início de agosto para lá.
    Recomendarei seu site no meu blog!

    Abs

  3. PlanetaE /

    Ana Cecilia,

    Sobre uma outra ilha tão legal quanto Hvar, não saberia indicar, a não ser por Pag, que é mais próxima de Zadar.

    Quanto ao tempo dedicado à Split, definitivamente valeria a pena ficar dois dias. A cidade é super charmosa e há bastante para se ver por lá. Aproveite!

    Abraços.

    PE.

  4. Estou indo pra lá semana que vem e estava com dificuldades de achar informações sobre os barcos somente para passageiros.

    Muito bom o post! =)

  5. Sergio /

    Olá, irei à Croácia em julho, e gostaria de saber quanto tempo dedicar para ficar em Hvar e Zadar, para conhecer e aproveitar a vida noturna croata. Obrigado e muito bom post.

  6. PlanetaE /

    Sergio,

    Que bom que gostou do artigo!

    Olha só, o ideal é ficar dois dias em cada lugar, no mínimo. No caso de Zadar, se pretender conhecer também as praias próximas de lá, eu diria três a quatro dias.

    Abraços.

  7. Mariana /

    Olá, gostaria de parabenizá-lo pelo post!

    Irei agora, em Julho de 2012, passar 5 dias na Croácia e gostaria de pedir algumas dicas(se possível):

    1) Qual a média de gasto diário em Hvar?
    2) Você se hospedou em Hvar? Tem indicação de alguma hospedagem/albergue?
    3) Você indicaria permanecer quantas noites em HVAR?

    Muito sucesso com o blog, para que ele cresça cada vez mais!
    Grande abraço.

  8. Paula /

    Olá! Estou planejando ir para Croácia em abril. Split e Hvar. Chego numa 2a feira 23/04 e volto numa sexta, 27/04 (talvez possível estender até 28/04 saindo bem cedinho). É uma pena pegar só meio d semana, mas é o que consegui conciliar nas minhas férias aqui do intercâmbio.
    Ir em abril vale a pena? Ir meio de semana vale a pena?Gostaria de comentários se vale a pena ficar a sexta para sábado (27>28/04) ou se vou curtir mesmo só ate a sexta 27.
    Preciso decidir minha viagem logo para reservar hostel e comprar passagem.
    Quero conhecer as praias, o dia, mas tb quero conhecer a noite, será possível, nestes dias q eu ficar?
    E você tem conelhos de hostel?
    Obrigada!!

  9. Rafaela /

    Sensacional o Planeta Europa! Parabéns!
    Pretendo ir em Julho para a Croácia e estou tendo algumas dúvidas quanto ao roteiro… Lendo seus artigos dá vontade de passar uma semana em cada lugar! Mas tenho no total apenas 10 dias (contando com a chegada e a saída, ou seja, só mesmo 8 dias de curtição)! O que seria indispensável e quanto tempo mais ou menos em cada lugar, incluindo Zagreb… Quando você fala em Split e Havar tem que etar dias em cada um ou dá pra ficar apenas em um lugar e se locomover em barco? Muitiiiiiisimo obrigada meeeeeeeesmo! Beijos!!!

Trackbacks/Pingbacks

  1. Melhores baladas e festas na Croácia, a nova Ibiza do Leste Europeu! | Diversão na sua viagem - [...] / planetaeuropa.com e muitas dicas de [...]

Deixe um comentário

 
Pinterest